Elisabethy19

 
Rejestracja: 2012-10-23
#Queira o bem. Faça o bem. O resto vem#
Punkty175więcej
Następny poziom: 
Ilość potrzebnych punktów: 25
Ostatnia gra
Bingo

Bingo

Bingo
4 lat 74 dni temu

O VENTO

cinemagrafia26.gif
                                                                                                                                                                                                                                   
    
                                                                                O Vento...                                                                                                                                                              
Hoje o vento me trouxe lembranças...
O vento me trouxe a infância,
O cheiro, os sabores, saudades . . .
Hoje o vento soprou em meu rosto,
um beijo, um carinho, vindo de muito,
muito longe

O vento hoje me visitou, 
trazendo você de tão longe,
onde nem em pensamento 
conseguira imaginar. . .

O vento hoje me trouxe
Cheiro de relva, café fresquinho
e terra molhada de chuva


Hoje, exatamente hoje,!!
o vento me trouxe algo que 
lá no passado ficou, se foi
e nunca mais aqui voltará.

O vento suave hoje me trouxe
um pouquinho do suave cheiro
dos teu cabelos lisos e grisalhos

O vento hoje me trouxe, um suave
som dos teus lábios para me  fazer ninar
E como era bom ouvir teu cantar . . .

O vento hoje soprou suave em meu rosto
e foi teu beijinho a minha face tocar,
e quem me dera eu pudesse
Viajar bem rápido nesse vento
Para novamente rever de pertinho
o Pai que um dia eu tive,
e que o vento soprou para tão longe,
me impedindo de abraçar !!

Autoria: Elisabethy Barbosa
  Em Homenagem ao meu querido Pai:
Valdyr Martins Barbosa

 *10/08/1927
+13/10/1973


  


O AMOR !

311667_494018993949003_1405137672_n.jpg


O Amor

O AMOR, quando se revela,
Não se sabe revelar.
Sabe bem olhar pra ela,
Mas não lhe sabe falar.

Quem quer dizer o que sente
Não sabe o que há de dizer.
Fala: parece que mente...
Cala: parece esquecer...

Ah, mas se ela adivinhasse,
Se pudesse ouvir o olhar, 
E se um olhar lhe bastasse
Para saber que a estão a amar!

Mas quem sente muito, cala;
Quem quer dizer quanto sente
Fica sem alma nem fala,
Fica só, inteiramente!

Mas se isto puder contar-lhe
O que não lhe ouso contar,
Já não terei que falar-lhe
Porque lhe estou a falar...

Autor: Fernando Pessoa.




O ANJO CAÍDO !!

117176_Papel-de-Parede-Anjo-Caido--11717


ANJO CAIDO 

UM ANJO TRAÍDO
EM SUA TORRE CALADA
SUAS PENAS CAÍRAM
SUA CHAMA FOI APAGADA


NO TOPO DA TORRE
O ANJO FOI CONFINADO
COM SUA ESPADA MARCADA
PELO SANGUE DOS SEUS ODIADOS


ASAS MOLHADAS
O ANJO NÃO PODE VOAR
DEPOIS DE TANTO CHORAR
O ANJO É INCAPAZ DE SONHAR


O ANJO DA MÁGOA
SÓ SABE SOFRER
NA TORRE DE LAGRIMAS 
ELE NÃO SABE O QUE FAZER


SEM UMA DE SUAS ASAS
NÃO PODE SE LIBERTAR
PORQUE VOCÊ NÃO ME ABRAÇA,
E VAMOS JUNTOS VOAR?

Autor  (Anonimo)


POEMA GÓTHICO !

578199_350405831728213_2032612356_n.jpg

                       

Dentro da escuridão da noite
Trazei depressa a rosa negra ,
Para teu mórbido amante 

Sua beleza brilha na escuridão
dentro de seus olhos,
Pele branca como a neve e olhos escuros como enxofre, 
Meus ossos tremem
Só de ouvi-la chamar  meu nome 

Lembre-se dos dias de hoje,
com o sol e seus raios,
quando brilhou sobre nós,
nenhum julgamento foi aprovado,
e nós andamos livres sobre a terra.

Mas a  escuridão reivindicou sua alma,
Andou consumindo carne humana ?
Tem ódio por aqueles que não sabem
Da vida que eles poderiam ter ao seu lado
E o  fim está próximo para eles,

É verdade o que dizem
Não há beleza sem crueldade.


À medida que a noite se aproxima 
As sombras se prolongam por toda a terra,
E ela caminha livremente entre os mortais
As mãos tão frias como a morte
e os olhos tão escuro como o crepúsculo,
ainda posso ver a crueldade 
em seu rosto, mas eu a Amo.

Lady Dark